Carregando
HiruBlog
 
Dicas de Esportes
Ginástica Olímpica

Ginástica Olímpica, ou Artística, é “a arte ou ato de exercitar o corpo para fortificá-lo e dar-lhe agilidade. O conjunto de exercícios corporais sistematizados, para este fim, realizados no solo ou com auxílio de aparelhos são aplicados com objetivos educativos, competitivos, terapêuticos, etc”.*

Embora o esporte seja praticado desde a Pré-História, foi reconhecido como modalidade esportiva apenas em 1.881, em escolas alemãs tipicamente masculinas. Em 1.986, ainda praticada apenas por homens, a Ginástica Olímpica passou a ser um esporte olímpico. Apenas em 1.928 as mulheres puderam fazer parte dos jogos.**

Em 1.950, a Ginástica Olímpica passou a ser praticada do modo como conhecemos hoje. Apesar de ser um esporte inicialmente masculino, atualmente, a grande maioria dos praticantes são as mulheres. Para a prática do esporte, é necessário demonstração de força, elegância, agilidade, flexibilidade, coordenação e equilíbrio.**

Um estudo realizado em 2.008 revelou que a Ginástica Olímpica é campeã no número de lesões entre jovens. No esporte em questão, há deslocamentos, contusões e fraturas e a maioria das lesões ocorrem nas extremidades superiores do corpo, logo em seguida vêm as extremidades inferiores e as regiões da cabeça e do pescoço. Os principais movimentos que causam acidentes são: parada de mão (“bananeira”), flips e “estrelinha”.**

Esse índice grande de acidentes na Ginástica Olímpica se deve ao fato de os ginastas não serem bem preparados para caírem adequadamente.***

Algumas atitudes a serem tomadas para evitar possíveis lesões:**

  • Aumentar o número de colchões que amortecem o impacto na saída dos aparelhos;
  • Um bom acompanhamento do técnico – não se deve praticar movimentos sozinho sem conhecimento prévio;
  • Frequente acompanhamento de fisioterapeutas e preparadores físicos;
  • Realizar alongamento antes e após a prática do exercício.

Além disso, movimentos claramente perigosos tem baixa pontuação nas competições, a fim de desmotivar a execução dos mesmos.**

Outro ponto importante é o atleta manter uma alimentação saudável. Por realizarem exercícios de alta intensidade, os ginastas precisam de grande dose de carboidratos, para manterem os músculos aptos às atividades, além de proteínas, vitaminas e gorduras. Água, hidratos de carbono e isotônicos são essenciais para manter a hidratação do corpo. É aconselhável também que procurem um nutricionista.**

Referências Bibliográficas:

* Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa

** http://pt.wikipedia.org/wiki/Gin%C3%A1stica_art%C3%ADstica – Acessado em 21/02/2014

*** http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL472408-5603,00.html – Acessado em 21/02/2014

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer consultar
a bula completa?